quinta-feira, dezembro 30, 2010

Viva e Vencedora

Vencer o próprio limite imposto é melhor que vencer muitas guerras. Embora tenha recebido, todo tempo, uma força divina, não foi fácil cumprir a parte que me coube.
Sinto a deliciosa sensação de vencedora. Ouço a brisa dizer “Parabéns”. Aceno de volta concordando e aceitando o cumprimento.
Não estou iludida achando que daqui pra frente não terei mais aborrecimentos. Não sou tola a esse ponto. Aprendi que a batalha é diária. Comemoro o final do ano numa retrospectiva maravilhosa. Nela pude ver um bocado de gente envolvida. Horas o companheiro, os filhos, os amigos e até estranhos. Como em um fabuloso exército, pegaram em armas comigo. Foi por eles tambem que venci as batalhas, portanto levanto minha taça de sidra (sem alcool) em agradecimento.
Coisas que lutamos como feras nos anos anteriores, surgiram todas em 2010, foi nos um ano favorável. Espero que tenha sido tão bom para a grande maioria.
Deus seja Louvado e que a paz e as bençãos continuem caindo sobre cada um de nós. E se forem iguais ao ano que está parando de respirar, seremos vitoriosos novamente.




Trabalhemos cada vez mais e melhor para lapidarmos nosso temperamento. Sem nunca esquecer que serão preciso algumas adequações que exigirão tempo, já que o processo é gradativo.
domingo, dezembro 19, 2010

BORBOLETAS

Introdução a como funcionam as borboletas


borboletas

A vida das borboletas é só voar, o que consome muita energia. Para obtê-la, as borboletas bebem o néctar das flores, coletado graças a um grande esforço realizado no vôo. O que, de novo, gasta muita energia. E, mesmo quando em repouso, elas estão sempre se preparando para voar, mantendo os músculos das asas suficientemente aquecidos.

Mas voar não é só uma questão de diversão para as borboletas e suas asas coloridas não são só acessórios para serem exibidos. Tudo está ligado à reprodução de um jeito ou de outro. As borboletas usam as cores das asas como camuflagem e como aviso aos predadores, o que as ajuda a permanecer vivas o bastante para se reproduzirem. Elas também utilizam os formatos e a cores das asas para identificar, e às vezes para impressionar um parceiro.


sábado, novembro 20, 2010

Na verdade não há

Quando eu morrer, com certeza o companheiro vai reler cartas e bilhetes antigos, e vai até abrir as mensagens que não foram abertas nos e-mails. Imediatamente à morte sobrevém a vontade de manter a pessoa viva.  Concordo com a frase do rock... Viver como se não houvesse amanhã... Se pensarmos que, a qualquer momento, aquela pessoa próxima, poderá estar irremediavelmente longe, com certeza, aumentaremos o grau de importância dela em nossa vida.
sexta-feira, novembro 19, 2010

Desistir jamais...

"Reaja inteligentemente mesmo a um tratamento não inteligente"
(Lao-Tsé)

Junto a multidão busquei a solidão.

Atravessei continentes a nado
Ultrapassei limites impostos
Detive-me, quando devia prosseguir
Prossegui no tempo errado.
Realizei o que me foi permitido
E permiti-me, sem imposição.
Andei por abismos,
e abismei pelos lodaçais
Limpei-me com as areias do mar
Mesmo arranhada senti-me purificada
Por não seguir as regras dos outros,
não me sinto vencida e nem vencedora
Sinto-me viva!
E isso é mais do que alguns sentem
Se me fosse concedido começar de novo,
com certeza cometeria erros e acertos
A vida são emaranhados de erros e acertos.

Mas, vale a pena



quinta-feira, novembro 18, 2010

"Ama a realidade que construistes e nada deterá teu vôo".

Recebi esta magnifica frase por email.
Coube tão bem o número que o vesti.
Ficou perfeito...
Obrigado a quem pensou e a quem transmitiu com claresa.
Repito-a:

AMA A REALIDADE QUE CONSTRUISTES E NADA DETERÁ TEU VÔO.

FOTO
terça-feira, novembro 16, 2010

Muito legal - recebi por email e desconheço autoria.

Essa é boa!

No Curso de Medicina, o professor se dirige ao aluno e pergunta:
-Quantos rins nós temos?
-Quatro! - Responde o aluno.
-Quatro? - Replica o professor, arrogante, daqueles que sentem prazer em tripudiar sobre os erros dos alunos.
-Traga um feixe de capim, pois temos um asno na sala. - ordena o professor a seu auxiliar.
-E para mim um cafezinho! - Replicou o aluno ao auxiliar do mestre.

O professor ficou irado e expulsou o aluno da sala. O aluno era, entretanto, o humorista Aparício Torelly Aporelly (1895-1971), mais conhecido como o 'Barão de Itararé'.

Ao sair da sala, o aluno ainda teve a audácia de corrigir o furioso mestre:
-O senhor me perguntou quantos rins 'nós temos'. 'Nós' temos quatro: dois meus e dois seus. 'Nós' é uma expressão usada para o plural.
Tenha um bom apetite e delicie-se com o capim.

COMENTÁRIO

A vida exige muito mais compreensão do que conhecimento!
Às vezes as pessoas, por terem um pouco a mais de conhecimento ou 'acreditarem' que o tem (ADOREI ESSA!), se acham no direito de subestimar os outros . . .

Viva a humildade . . .
E haja capim!!!

Viver é o bem mais precioso, o resto é nada.

Para viver é preciso muita paciência,
bastante cuidado e muita atenção.

Qualquer descuido,
meia palavra dita ou omitida,
poderá  transformar o viver em um inferno.

Pensar que tem gente que já leva uma vida infernal
e morre de medo do inferno imaginário.

A paz, a prosperidade sonhada,
o amor almejado,
dependem do cuidado que tenho com o coração do outro.

Aquilo que eu planto eu colho
Não posso colher milho em pé de feijão

A vida não é para ser levada tão a sério
Basta deixarmos o coração nos levar
E procurar rir muito nesse interim.

segunda-feira, junho 28, 2010

Estrelas, eu recomendo!

Resolvi falar hoje com as meninas/mulheres. Pois não importa quantos anos tenhamos, sabemos com exatidão que seremos eternamente meninas. Meu recado é o seguinte. Tomem banho de estrelas.
Elas podem com seu brilho enviar-nos luzes. E toda menina que brilha já tem mais de meio caminho andado.
As estrelas emitem um sinal mágico que podem nos tornar mais atraentes e encantadoras. Um banho de estrelas vale mais que mil banhos de lua.
O terreno baldio do outro lado da casa da minha mãe é misterioso. E as noites estreladas, vistas do lado de lá são verdadeiras festas, com bailados e tudo o mais.
Elas têm me feito tão bem que estou me sentindo mais viva e especial. Por isso mesmo aconselho as mulheres a contemplarem as estrelas. É maravilhoso se sentir bonita, mesmo que ninguém mais ache.
Mesmo não havendo estrelas, é preciso lembrar que elas estão por lá. E a despeito da descrença, continuam irradiando luz e brilho.
Agora garotas, não esqueçam que é preciso também banho de creme, corpo cheiroso, sapato certo com a roupa certa, muita feminilidade para não deixarmos de nos amar. E assim como as estrelas continuemos simples e naturais como fomos criadas.

“Não desperteis nem perturbeis o amor, antes que ele o queira” (CAN, 2:7)
segunda-feira, maio 31, 2010

Clarice Lispector

"Amanheci em cólera. Não, não, o mundo não me agrada. A maioria das pessoas está morta e não sabem, ou estão vivas com charlatanismo. E o amor, em vez de dar, exige. E quem gosta de nós, quer que sejamos alguma coisa de que eles precisam. Mentir dá remorso. E não mentir é um dom que o mundo não merece..."
domingo, maio 23, 2010

Que pena quando a separaçao é por motivos banais

Ainda bem que tenho amigos dos dois sexos e até do terceiro, assim ouço e consigo enxergar pontos de vista diferentes. Ouvia um amigo que se separou de sua esposa, contar-me os motivos da separação. Conheço bem os dois, e toda vez que sabemos que amigos se separaram, dá até um aperto na gente. Imediatamente não sabemos como proceder, não podemos mais elogiar um para o outro e, Deus me livre e guarde, de apontarmos algum defeito. O melhor mesmo é manter a boca fechada. Bom isso serve para tudo mesmo, quando envolve terceira pessoa. Tudo isso eu disse, para evitar falar o nome do amigo e assim minha amiga, quem sabe, se cair isso em suas mãos e ler, não saber que é deles que me refiro. (a tal da boca fechada). O motivo principal foi esse:
Ele trabalha o dia todo e acaba almoçando fora todos os dias. Como seu cargo é de grande responsabilidade ele precisa ficar até mais tarde muitos dias da semana. Seu cargo por ser de confiança exige que ele viaje muito. Assim hoje ele está aqui e a noite já pode estar dormindo na Argentina, ou em São Paulo, ou em outro estado. Devo dizer a seu favor, que ele é um jovem executivo muito competente. Conheço-o do tempo da faculdade, pois eu estudei muito tarde, ele estava na idade certa.
O casamento dos dois estava tão bonito, embora tenha notado que ela determinava funções para que ele desempenhasse em casa, nas horas de sua folga. Ela parecia não ter tido tempo o dia todo, e ela não havia conseguido emprego na época a que me refiro. Parece que o dia era pequeno para que ela conseguisse deixar o apartamento em ordem e o jantar pronto. Ou uma tarefa estava feita, ou a outra, nunca as duas. Desta forma ele precisava ajuda-la quando chegava a sua casa. Os finais de semana eram inapropriados para visita, pois era dia em que os dois faziam uma faxina geral no minúsculo apartamento.
Presenciei o rosto de desanimo dele, com o passar dos meses. Em questão de um ano, havia desanimo nos dois. Um dia tentei entrar nesse assunto com ela, pois ela é bem mais jovem, e me sinto como se sua mãe fosse. Ela estava amarga e não quis ouvir-me, como se o que eu tentasse lhe mostrar fosse algo de uma velha Amélia. De uma mulher que não sabia quais eram os seus direitos. Que ainda achava que o homem era o provedor e a mulher a domestica. Olha que ela é bem inteligente e como me considero inteligente também, fiz de conta que ela estava certa. Que a mulher tem que colocar mesmo o homem para ajudar, independente de seu cansaço, pois quem vai pensar no dela?
E não sei se fui omissa demais, mas ao perceber que algo tão idiota quanto este, acabou com um amor que começou tão lindo, que os levou ao altar e que eu fui até madrinha.
Aquele que está em casa, e seja o homem ou a mulher, devem fazer como fazem os casais que moram no exterior, devem ser o responsável pela tarefa diária. Enquanto um cuida do monetário o outro cuida da comodidade daquele que voltara para casa. Depois de ficar o dia todo fora, e ter sonhado estirar os pés descalços no sofá. Sem ter que se preocupar, com as tarefas que o aguardam ainda. E veja bem, não importa aqui se é a mulher ou o homem. Quando os dois trabalham fora, daí com certeza é obrigatório, nem precisa falar, basta ter o mínimo de bom senso pra saber que aos dois cabe a limpeza e a harmonia do lar.
E olha que falei tudo isso pra minha tola e teimosa amiga, e ela pensou que eu estava sendo machista e ela era feminista. Ela estava acabando com o amor, sufocando-o em suas convicções burras. E depois que o ouvi e não lhe disse que tinha razão, o faço agora. Quanto a ela, me telefonou e me disse que eu estava certa, quando tentei orientá-la.
Minha pergunta é: - de que adianta estar certa agora?
sexta-feira, maio 21, 2010

Um dia qualquer

Quero apertar em uma gaveta nova, todo o passado. E a gaveta precisa ser nova, para que agüente toda a bagagem que meterei nela. Depois quero trancá-la com fechaduras reforçadas, a melhor da praça, que não enferruje e que não ceda se forçada. Precisa ser imune a ferrugem, pois pretendo jogá-la no oceano mais profundo. O oceano que me desculpe, por jogar mais tranqueira nele. Esqueci-me de dizer que a gaveta vai ficar encerrada dentro da caixa de metal, que estou confeccionando. Portanto mais material para que o mar retenha. Espero com isso, livrar-me para sempre, de todas as lembranças desagradáveis.
Para as boas recordações montei caixa especial, e ela fica aberta em cima do toalete, visível e à mão. Qualquer um pode enxergá-las e se divertir, já que existem um bocado de crianças brincando, sorrisos e abraços. Muitos pores e nasceres de sol. As diversas constelações estão soltas e brilhando dentro da caixa. Tem até a lua em suas quatro fases. É um espetáculo de cores, sons e imagens. Minha caixa especial pode não ser imensa, mas tudo está bem organizado, equilibrado, perfeito e em miniaturas.


(Dividindo meu diário secreto)
quarta-feira, maio 19, 2010

Porque eu sei que é amor....

Apesar da cara feia e distorcida de alguns dias, desejo que ao menos as outras pessoas estejam amando e sendo amadas. E que elas me encontrem, pois bastam algumas pessoas felizes, para transformarem até o meu dia azedo em doce. O amor é o único que pode fazer com que tenhamos em um dia motivos para sermos felizes para sempre.
segunda-feira, maio 17, 2010

Teste para saber qual o seu estilo

17/05/2010 09h29 - Atualizado em 17/05/2010 09h46
Descubra seu estilo pessoal
Nem sempre aquilo que vestimos reflete exatamente o estilo pessoal que temos. Um teste foi criado para identificar de forma rápida os desejos e sensações que nem sempre são expressos no look que escolhemos vestir.
imprimir Ao observar as pessoas na rua, podemos suspeitar o estilo pessoal de cada um, mas através de um teste especial podemos identificar com mais clareza. O teste foi criado especialmente para identificar de forma rápida os desejos e sensações que nem sempre são expressos no look que escolhemos vestir.

Existem 8 diferentes estilos para as mulheres – ESPORTIVO, TRADICIONAL, ELEGANTE CONTEMPORÂNEO, SEXY, FEMININO ROMÂNTICO, DRAMÁTICO, MODERNO E CRIATIVO.

E 7 diferentes estilos para os homens – ESPORTIVO, TRADICIONAL, ELEGANTE CONTEMPORÂNEIO, SEXY, DRAMÁTICO, MODERNO E CRIATIVO.

Cada um possui um estilo predominante. O Jornal Hoje convida você a responder algumas questões e conhecer um pouco mais sobre o seu Estilo Pessoal Predominante. É uma forma de você tornar o seu guarda-roupa e o seu visual ainda mais afinado ao seu jeito de ser.

TESTE DE ESTILO PESSOAL PREDOMINANTE

ASSINALE UMA RESPOSTA PARA CADA PERGUNTA:

1. O seu Estilo Pessoal Predominante se revela nas escolhas de combinações de cores. Pensando no seu dia-a-dia, quais são as suas combinações de cores favoritas?

a) combinações simples; não gosto de perder tempo pensando em combinações.

b) combinações bem certinhas; gosto de combinar tudo ao máximo.

c) combinações de tons diferentes de uma mesma cor; gosto de escolher uma cor e variar as diferentes tonalidades dela em roupas e sapatos.

d) combinações delicadas em cores suaves, pois não gosto de grandes contrastes.

e) combino só o que valoriza o meu corpo, pois gosto de ver meu corpo bonito.

f) não tenho preferência de combinações, cada dia combino de um jeito conforme o meu estado de espírito.

g) faço as combinações da moda, gosto de seguir as tendências.

h) faço combinações que chamem a atenção, pois gosto de grandes contrastantes.

2. O seu Estilo Pessoal Predominante também se revela na hora da compra! Como você gosta de fazer as suas compras?

a) compro quando preciso, não gosto de perder tempo, gosto de facilidades.

b) faço compras planejadas, gosto de qualidade e espero até encontrar o perfeito.

c) compro pensando em atualizar o que já tenho, gosto de qualidade e atualidade.

d) adoro ir às compras, compro por prazer e adoro tudo que tenha muitos detalhes.

e) adoro comprar peças que valorizam o meu corpo independente da moda.

f) adoro lugares alternativos, brechós, feiras de artesanato, pois adoro o incomum.

g) compro o que está nas vitrines, nas novelas, nas revistas, adoro lançamentos.

h) compro só o que me chama a atenção, independente da moda, gosto do efeito.

3. O Seu Estilo Pessoal Predominante se revela nas características do tecido das suas roupas. Você escolhe certos tecidos principalmente porque eles...

a) são fáceis de cuidar.

b) são de excelente qualidade.

c) são sofisticados.

d) são delicados.

e) são perfeitos no corpo.

f) são interessantes.

g) são atuais.

h) causam um efeito poderoso.

4. O Seu Estilo Pessoal Predominante se revela na roupa que você mais gosta de usar no dia-a-dia. Como é a sua roupa preferida?

a) prática.

b) atemporal.

c) clássica renovada.

d) repleta de detalhes delicados.

e) se ajusta perfeitamente no meu corpo.

f) diferente.

g) o último lançamento da estação.

h) impactante.

5. O Seu Estilo Pessoal Predominante também se revela nos seus acessórios (bolsas, pastas, carteiras, cintos, colares, brincos, pulseiras, anéis, óculos de sol, óculos de grau, gravata, lenços, echarpes). Então, se você tivesse que mencionar uma característica para os seus acessórios, você diria que eles são em sua maioria...

a) simples.

b) clássico.

c) notável.

d) delicado.

e) insinuante.

f) diferente.

g) atual.

h) impactante.

6. O Seu Estilo Pessoal Predominante se revela também nos calçados que você mais gosta de vestir. Como são seus sapatos preferidos?

a) são essencialmente confortáveis.

b) são essencialmente duráveis.

c) são essencialmente sofisticados.

d) são essencialmente mimosos.

e) são essencialmente perfeitos para o meu corpo lindo.

f) são essencialmente diferentes.

g) são essencialmente lançamentos.

h) são essencialmente divertidos.

7. O Seu Estilo Pessoal Predominante também se revela na forma como você cuida do nosso Planeta. Então pergunto: como você cuida do nosso Planeta através das atitudes com o seu guarda-roupa?

a) costumo ter pouca roupa e uso muito tudo o que tenho, ajudo o Planeta assim.

b) dou atenção à qualidade e à durabilidade das peças, ajudo o Planeta assim.

c) gosto de atualizar, então, quando compro algo novo, faço doações de boas peças.

d) gosto de detalhes, assim, reciclo usando as mesmas peças de forma diferente.

e) procuro manter o meu corpo equilibrado para vestir bem tudo o que tenho.

f) compro em feirinhas, brechós, invento formas de disfarçar o velho ou o manchado costurando minhas roupas ou fazendo pequenas reformas, atualizando tudo.

g) preciso estar com a última tendência, então faço muitas doações ao longo do ano porque compro sempre muito.

h) cuido de tudo o que tenho porque é raro encontrar as peças exóticas que possuo.



RESPOSTAS:

VERIFIQUE QUAL A LETRA QUE VOCÊ MAIS MARCOU – ELA CORRESPONDE AO SEU ESTILO PESSOAL PREDOMINANTE (VÁLIDO PARA HOMENS E MULHERES):

LETRA A = ESTILO ESPORTIVO

LETRA B = ESTILO TRADICIONAL

LETRA C = ESTILO ELEGANTE CONTEMPORÂNEO

LETRA D = ESTILO FEMININO ROMÂNTICO

LETRA E = ESTILO SEXY

LETRA F = ESTILO CRIATIVO

LETRA G = ESTILO MODERNO

LETRA H = ESTILO DRAMÁTICO



CONHEÇA UM POUCO SOBRE O SEU ESTILO PREDOMINANTE:

ESTILO ESPORTIVO. A mensagem básica do estilo: CASUAL. A palavra-chave: CONFORTO. Peça essencial: uma boa camiseta, mas também pode ser um bom jeans. Tecidos: algodão, linho, nylon, veludo , fibras naturais, tecidos sem brilho. Cores: cores primárias e combinações simples. Sapatos: sempre confortáveis, de salto baixos, saltos grossos, solado de borracha, linha confort. Bolsas e pastas: mochilas, alças cruzadas no corpo, sacos, bolsas grandes que cabem tudo, a idéia é sempre de praticidade. Acessórios: são simples, nada ostensivos.

ESTILO TRADICIONAL. A mensagem do estilo tradicional é: CONSERVADORISMO. A palavra-chave é: ATEMPORALIDADE. Peça essencial: blazer clássico. Tecidos: sedas, caxemira, crepes, gabardines. Cores: combinações sóbrias - marinho, cinza, bege e preto. Sapatos: tradicional, de couro, de excelente qualidade. Bolsas e pastas: estruturadas, de mão. Acessórios: sempre de excelente qualidade; a idéia e tudo para durar muito tempo.

ESTILO ELEGANTE. A mensagem é: REFINAMENTO. Palavra-chave: SOFISTICAÇÃO. Peça essencial: camisa branca. Tecidos: algodão natural, cetim, xantungue de seda, seda pura, microfibra, crepe. Cores: combinações de baixo contraste - cinza, bege, branco, marinho, vermelho escuro, preto com branco. Sapatos: tradicionais com um toque de atualidade, bicolor. Bolsas e Pastas: estruturada, funcional, de qualidade, tamanho médio. Acessórios: sempre com um toque notável.

ESTILO SEXY. A mensagem é: valorizar o corpo. Palavra-chave: INSINUAR. Peça essencial: jaqueta de couro e salto alto. Tecidos: tudo que valorize o corpo e que o deixe em evidência - lycra, brilho, materiais em couro e vernizes. Cores: preto, branco, pink, turquesa, dourado, prateado, bronze, verde, vermelho forte, marrom. Sapatos: tudo que deixe o corpo bonito, saltos altíssimos e pontas. Bolsas e Pastas: tudo que se molde bem ao corpo, molengas, nada estruturadas. Acessórios: sempre com um toque de exagero e que valorize o corpo.

ESTILO FEMININO ROMÂNTICO. A mensagem é: AMABILIDADE. Palavra-chave: DELICADEZA. Peça essencial: colar de perola. Tecidos: algodão, sedas, crepe georgette, microfibra. Cores: combinações de baixo contraste, monocromática, tons de rosa, beges, azul clarinho, verde clarinho. Sapatos: tudo com muitos detalhes e variados modelos. Bolsas: de tecidos, bordadas, de alças longas e de tamanho pequeno. Acessórios: tudo muito tipicamente feminino – laços e flores.

ESTILO DRAMÁTICO. A mensagem: CHAMAR A ATENÇÃO SEM O APELO SEXUAL. Palavra-chave: TEATRALIDADE. Peça essencial: qualquer coisa que cause um efeito. Tecidos: não há nenhuma preferência, usa tudo. Cores: grandes contrates para chamar atenção. Sapatos: criativos e ousados. Bolsas e Pastas: enormes - com ou sem detalhes, molengas ou estruturadas. Acessórios: tudo impactante, diferente, que tenha algo de inusitado.

ESTILO CRIATIVO. A mensagem: USA O QUE SENTE VONTADE CONFORME O HUMOR DO DIA. Palavra-chave: ORIGINALIDADE. Peça essencial: depende do dia, ora! Tecidos: varia conforme o desejo e que ofereça a mistura inusitada. Cores: não se prende a nenhuma cor, gosta da liberdade, mistura tudo! Sapatos: temáticos, étnicos. Bolsas e Pastas: vale tudo! Acessórios: tem sempre um toque exótico, pode ser étnicos e vintages.

ESTILO MODERNO. A mensagem: FASHIONISTA, MUDANÇA CONSTANTE. Palavra-chave: ATUALIDADE. Peça essencial: tudo o que está na vitrine e nas revistas de moda. Tecidos: a tendência do momento. Cores: tudo o que a moda pedir no momento. Sapatos, Bolsas, Pastas e Acessórios: absolutamente tudo o que a moda e a tendência pedir para o momento!
quinta-feira, maio 06, 2010

"Começaria Tudo Outra Vez"

Cometi todos os erros e vários acertos
Busquei a solidão junto da multidão
Atravessei continentes a nado
Cansei e busquei refrigério lutando sem parar
Ultrapassei os limites impostos
Detive-me quando devia prosseguir
Realizei o que me foi permitido
E permiti-me, sem imposição
Andei por abismos e abismei nos lodaçais
Limpei-me com as areias do mar
E sai purificada
Não segui regras
A não ser as minhas
Não me sinto vencida e nem vencedora
Sinto-me viva
E isso é mais do que sente alguns
Se me fosse concedido começar de novo
Com certeza cometeria erros e acertos
A vida é um amontoado deles
Não importa quando se começa
No final teremos feito tudo do nosso próprio jeito.
terça-feira, maio 04, 2010

Permanecer a todo custo....

Quero apenas ficar na sua mente
Bailar com os pés metidos em meias brancas
Quero estar no seu pensamento
Até enquanto escovas os dentes
Permanecer contigo, enquanto bebes o café
Quero que me vejas pulando, para sair da xícara
E pular em seu pescoço
Para te dar milhares de beijinhos de bom dia
Quero ficar o tempo todo entre você e a porta de entrada.
Cada vez que sua mão segurar a maçaneta, ela se lembrará de mim
E sentirá vontade de voltar correndo, para tocar minha porta.
Sinto esse amor que quer brincar, mesmo sofrendo?
De onde me vêm à força, que me faz desejar seu amor?
Quando eu sei, não bailo em sua mente e pensamentos.
Nem ao menos bebes mais café
E a porta que abristes foi a de saída
domingo, maio 02, 2010

Coisa de maluco

Olhando para fora da janela do carro em alta velocidade posso ver minha vida correndo diante dos meus olhos. Como filme que se acelera. E vejo-me deitada com a cabeça, sobre os braços, numa entrega livre de ilusões, sonhos ou planos. Como se tivesse chegado ao fim e não tivesse descoberto o porquê de minha vinda até aqui!
E enquanto estou dentro do carro, estou lá fora em milhares de posições e numa atividade febricitante, e encontro-me deitada sobre os braços. Que visão mais absurda e porque me incomoda tanto, se nenhuma delas é real. Real sou eu sentada aqui na velha cadeira branca amarelada, de frente ao mesmo velho note book. Onde o carro? Onde as cenas que digo ver? Onde eu deitada sobre meus braços? Essa sim foi à última cena que acabei de viver... E que acabou desencadeando toda esta falação, meio que sem sentido. E que de real somente a sensação de que não descobri ainda o significado de ter vindo a esse mundo. Inegavelmente maravilhoso, mas que tenho eu a ver com ele?
Não há em mim traço algum de desilusão, posso garantir. Mas não há também ilusões, nem sonhos e planos e a isso posso dizer estraga um pouco o meu dia. Ainda bem que não terei que fazer caras e bocas para ninguém. Estou a salvo pra ser destituída de alegria e sorriso falso, por mais ou menos uns quarenta e cinco minutos. Portanto tenho que aproveitar e tentar tirar de dentro de mim, a resposta da minha vinda. Não acho que viria de boba, por casualidade, por acidente, por descuido. Tem que ter uma razão lógica!
Pior mesmo é que estou precisando de um guru, ou de um sábio, ou quem sabe de alguém que me conheça muito bem e possa me dar resposta, pois dentro de mim, só há silencio. Para essa pergunta a resposta tem que ser externa com certeza.
Talvez eu tenha vindo somente para ser indagação e não conformismo. Quem sabe esse tenha sido o objetivo de me enviarem a terra. Para ser o desequilíbrio e o rebaixamento do prato da balança da justiça. Essa pode ser minha única utilidade nesse planeta magnífico. E isso já deve servir para alguma coisa. Cada um tem suas funções, umas mais nobres, outras não tão nobres assim. Minha função não é algo que eu mesma possa pensar seja de grande utilidade para a humanidade. Mas o desequilíbrio é necessário também, pois ele é que expõe os mais nobres.
Nem vou reler, pois mudaria tudo, ou apagaria, já que até a mim soa como coisa de maluco, mas os malucos precisam se expressar também. Os sãos e sábios que evitem ler e se acaso, chegaram até aqui, então são tão malucos quanto eu... Estamos em casa.
sábado, maio 01, 2010

Uma Mulher

Uma mulher caminha nua pelo quarto
é lenta como a luz daquela estrela
é tão secreta uma mulher que ao vê-la
nua no quarto pouco se sabe dela
a cor da pele, dos pêlos, o cabelo
o modo de pisar, algumas marcas
a curva arredondada de suas ancas
a parte onde a carne é mais branca
uma mulher é feita de mistérios
tudo se esconde: os sonhos, as axilas, a vagina
ela envelhece e esconde uma menina
que permanece onde ela está agora
o homem que descobre uma mulher
será sempre o primeiro a ver a aurora.

De: Bruna Lombardi

MARAVILHOSO!
sexta-feira, abril 30, 2010

Recadinhos no papel de bombom

“Depois de uma separação, parece que tudo faz lembrar aquela pessoa: uma música no rádio, um perfume, um jeito de falar. Na verdade tudo continua igual. Você é que faz questão de não esquecer essa paixão”!

“Queria ter você pertinho”.

“Uma pessoa que sofre de amor platônico pensa em sua paixão 24 horas por dia. Sabe por quê? Porque o dia só tem 24 horas”.


Encontrei estes versinhos singelos escritos no papel amarelo de um bombom. Achei legal demais, alguém ter essa idéia. Dificilmente lemos embalagens de bombons. Assim que o abrimos, já o metemos na boca, amassamos o papel que o envolve e deu. A não ser é claro que o bombom tenha sido presente de alguém especial, daí vamos guardá-lo esticadinho, colado, grampeado e constando todas as informações. Vai ver que foi para essas pessoas que eles tiveram o trabalho de deixar pistas carinhosas. Que belezinha de gesto de alguém que provavelmente sabia que poucos leriam.
Descobri por acaso e, aposto que, muita gente nem sabe que tem algumas frases de amor no papel do bombom. Adorei a idéia que resolvi até comentar, olha que nem recebi o bombom com tamanho significado e foi por esse motivo mesmo que acabei até valorizando minha sensibilidade em descobrir.
O que desejo realmente comentar é a simplicidade com que as mensagens boas têm chegado. Elas estão por toda parte até em papeis de chocolate. Não é nada estranho vermos hoje crianças falando de coisas importantes que nem gente grande entende. Músicas estão enviando mensagens de amor. Estamos vivenciando um tempo onde as mudanças estão por toda parte.
Tenho esperança quanto ao destino da humanidade, quando presencio recadinhos até em papeis de chocolate.
quinta-feira, abril 29, 2010

Tudo que eu desejar consigo

Busco a leveza da pena
Pensando que posso voar
Sinto-me por vezes
Ondulante como as águas
E sou a água, e sou o navegador
Já não vislumbro horizonte
Tudo virou mar
O infinito
Sem aviltamento do porto
Continuar voando na leveza d’água
E tudo o que desejo fazer...

quarta-feira, abril 28, 2010

Até a ausencia tem som


Meu cérebro vazio é algo que dificilmente contemplo. Sou normalmente um turbilhão de pensamentos. Hoje estou sem nada para dizer, para pensar ou desejar. Sensação estranha e nova, eu me esforço para tentar extrair palavras. Mas vou deixar o experimento das palavras forçadas e experimentar a sua ausência...

quarta-feira, março 10, 2010

Mulheres!

Caras amigas, aí vai um texto - meio que atrasado - homenageando nós, mulheres. As que são, e as que serão. Porque não se nasce mulher, torna-se. Quase como que um super poder, de uma hora para outra a mulher dentro de nós brota, instantaneamente, sem aviso. E de repente... Puxa! Aí está você, Mulher. Mulher essa que nunca nos deixa na mão, muito pelo contrário. Quando nós mesmas esquecemos de quem somos, de quem fomos, quando estamos lá, sem mais defesas, a tal surge dentro de nós, levanta-nos, roda a baiana, sacode a poeira e lá vai. No momento que o homem faz como o avestruz - faz um buraco e se esconde - a mulher faz como o pavão - arrebita o rabicó, e vai com tudo. E sem perder a classe, com a verdadeira graça de ser o que é. Ela, quando mais precisa de força, tira de onde não tem, aguenta firme e se redescobre... Mulher.
A todas as mulheres que eu conheço: lindas, guerreiras, fortes, inteligentes: minha sincera admiração. Nós merecemos, e sabemos o porquê.

E agora, um texto sobre as mulheres que eu achei lindo:

Edson Marques


Não me bastam os cinco sentidos para perceber-lhes toda a beleza. Não me bastam os cinco sentidos para viver com totalidade o mistério profundo que elas trazem consigo. Eu tenho é que tocá-las, cheirá-las, acariciá-las, penetrar-lhes o sorriso, sentir o seu perfume, beijar-lhes o céu da boca, ouvir suas histórias, transformá-las em deusas. Tenho que dar-lhes o amor que o meu corpo conduz e sustenta-me a alma. O belo amor natural de todos os corpos e almas e coisas do mundo. Como espelho de paixões em labareda, tenho que sentir nos seus olhos um raro brilho diamante.

Eu as respeito e as venero, com a graça de um cisne satisfeito nadando num lago tranqüilo e a ousadia de um touro selvagem recém-despertado. Não lhes faço perguntas, não as pressiono por nada, não quero mudá-las jamais. Sempre imagino o que possam sonhar, e procuro suavemente entrar no sonho delas. Cavalgo o vento para visitar-lhes as razões, as emoções, as loucuras. E como um deus escandaloso e surpreso por sua própria criatura, eu entro então no coração de cada uma delas, deliciosamente, como se entrasse numa pulsante catedral. Mergulho na essência dos seus desejos e cada vez me espanto mais com tanta fantasia, com tanta formosura. Os cinco sentidos, por não serem precisos, ainda não bastam, e eu preciso mais do que isso para compreendê-las.

Toda mulher
é silenciosa por dentro. A existência pura se manifesta em cada detalhe. Assim na terra como no céu, amar as mulheres é uma experiência religiosa. E eu as amo, fina substância, como deve amar quem ama de verdade - incondicionalmente. Sem ciúmes. Eu amo as morenas, as loiras, as baixinhas, as altas, as lindas, as quase feias. Amo as virtuosas, as magras, as gordinhas, as diabólicas, as tímidas, e até as mentirosas. As iluminadas, as pecadoras, e as santíssimas. Amo as virgens, as pobres, as ricas, as loucas, as muito vivas, as inocentes. As bronzeadas pelo sol, e as branquinhas. As inteligentes, e as nem tanto. Desde que sensíveis, eu amo as jovens, as velhas, as solteiras, as casadas, as separadas. As bem-amadas, e as abandonadas. As livres, e as indecisas. E se me dessem o poder, o tempo, e, principalmente, a chance, eu a todas elas daria, todos os dias, um orgasmo cósmico e sublime. Poeticamente.

Apanharia flores silvestres, tomaria sol com todas elas. Andaríamos descalços na areia, contemplaríamos crepúsculos cor de abóbora, jantaríamos à luz de velas, dançaríamos, tomaríamos vinho branco, olharíamos as estrelas. E eu lhes faria poesias de amor. Puro como um anjo, amaria cada uma delas eternamente — uma por vez. Com delicadeza, com doçura, com profundidade, com inocência. Entusiasmado, como se cada uma fosse a única. Como se no mundo inteiro não houvesse mais nada, nem ninguém.

Todas as noites, passaria cremes e encantos no seu corpo. Falaria sobre fábulas, contaria histórias românticas, as veria dormir. Ao som de Vangelis, velaria por um tempo o sono delas, e de madrugada, antes do sol raiar, antes do primeiro pássaro cantar, as cobriria com o resto de luar que ainda houvesse, e sairia em silêncio. Como um felino lógico, sensual e saciado, deslizaria pelo cetim azul-celeste dos lençóis, saltaria por sobre todas as metáforas -- e sorrindo iria embora.

Enfim, se fosse Deus, eu com certeza não mais cuidaria do universo e dessas coisinhas banais. Não iria ficar controlando o destino das pessoas, o tempo, a pressa, os compromissos, as horas, o caminho dos planetas, a economia, o cotidiano, o infinito, a Internet, a geografia... Não!

Eu somente iria amar as mulheres, como elas merecem. E como nunca foram amadas.

Só isso, definitivamente. Nada mais, nada mais!

domingo, março 07, 2010

Nós Complicadas?

quarta-feira, março 03, 2010

As Borboletas - Poema lindíssimo de Ithalo Furtado.

Em busca de lindas borboletas tive a sorte de encontrar este lindo poema, digno de citação.

"As borboletas - de Ithalo Furtado"

"Cada um de nós
É uma explosão de lágrimas
É uma prisão de sonhos
Céu e abismo
Eterna casa em construção 
Cada um de nós
É conseqüência
De todo amor e indiferença
Que a gente em alguma parte da vida
Não conseguiu disfarçar
Quem agora guardará nossos segredos?
Quem velará nosso sono inteiro?
Quem pode me mostrar a calma contra esse louco afã?
Quem me dará o calendário de todos os amanhãs?
Mas, pro meu coração, todo dia
É uma página a ser escrita
Pois somos livro da nossa própria vida… 
Cada um de nós
Carrega a certeza cega
De que a tentativa
É alheia a entrega
E cada um sabe que é escuridão e luz
Daquilo que produz
Cada um de nós
É sábado de Cristo
É de segunda a segunda escravo de um poema
E crava o coração com o peso de sua pena
Cada um tem a força e a fraqueza
Que escolheu pra si quando teve a chance
De mudar toda a história com um simples gesto
Cada pessoa que sente que é de rocha
Essa poesia que cai ao chão como nuvem
E brilha feito o vagão de um trem de vaga-lumes
Tem a sensação de tocar estrelas
E desfazer-se em sonhos de algodão
Com as asas que a gente inventa quando canta uma canção
Com as asas das borboletas
Que bordam no céu com seus vôos lentos
Nossa oração"

http://poesiadiaria.wordpress.com/2009/08/27/as-borboletas/
terça-feira, março 02, 2010

Pedaçinho do meu diário.


Dia seguinte - Sinto como se uma nova mulher estivesse sentada aqui. Foi coisa de uma frase, ou a falta da mesma e meus olhos foram abertos. Sinto-me bem, apesar de tudo, pois nunca gostei de desconhecer o que a mim se refere.
Pena que esses encontros com novas mulheres internas, aconteçam à base de choro. E tem gente que ironiza as pessoas que choram! Dizem até que são fracas! Eu não quero nem me preocupar, com o que pensam eles por ai... Mal sei o que penso! São tantas coisinhas miúdas que aconteceram de ontem para hoje, que nem quero registrar para a posteridade. Nem sequer desejo reler mais tarde.
A nova mulher que surgiu, meio que do nada, que gosta de batons e botas de salto alto, não quer que eu rememore os acontecimentos. Ela disse-me: “Você e eu somos uma só, a minha maneira de ver as coisas é que é mais divertida, então comece a me seguir”...
Não disse na hora, mas digo agora, como é difícil te seguir e me deixar para trás.
quinta-feira, fevereiro 25, 2010

Revanche das mulheres.

Depois de tantos e-mails machistas pela net, eis a revanche das mulheres:
CORAÇÃO DE MULHER É IGUAL CIRCO:
Sempre tem lugar para mais um palhaço...

O QUE SE DEVE DAR A UM HOMEM QUE PENSA QUE TEM TUDO?
Uma mulher para ensiná-lo como funciona!
POR QUE AS MULHERES CASADAS SÃO MAIS GORDAS DO QUE AS SOLTEIRAS?
A solteira chega em casa, vê o que tem na geladeira e vai pra cama, a casada vê o que tem na cama e vai pra geladeira. (ÓTIMA!!!!)
COMO SE CHAMA UMA MULHER QUE SABE ONDE SEU MARIDO ESTÁ TODAS AS NOITES?
R.: Viúva.
POR QUE AS ARANHAS VIÚVAS-NEGRAS MATAM O MACHO DEPOIS DA CÓPULA?
Para acabar com o ronco antes que ele comece.
POR QUE APENAS 10% DOS HOMENS VÃO PARA O CÉU?
Porque se todos fossem, seria o inferno!

QUAL A DIFERENÇA ENTRE HOMENS E PORCOS ?
Porcos não viram homens quando bebem.
O QUE ACONTECEU À MULHER QUE CONSEGUIU ENTENDER OS HOMENS?
Ela morreu de tanto rir e não teve tempo de contar a ninguém.
POR QUE É QUE OS HOMENS TÊM A CONSCIÊNCIA LIMPA?
Porque nunca a usam... (perfeito)
POR QUE DEUS CRIOU PRIMEIRO O HOMEM, E DEPOIS A MULHER?
Porque as experiências são feitas primeiro com animais e depois com humanos!!! (essa é a melhor, revanche!!!)
POR QUE OS HOMENS GOSTAM DE MULHERES INTELIGENTES?
Porque os opostos se atraem! (hahaha...)
QUAL O LIVRO MAIS FINO DO MUNDO ?
Tudo o que os homens sabem sobre as mulheres.
QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS HOMENS E AS FRUTAS?
Um dia, as frutas amadurecem... (essa é ótima!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkk....)
POR QUE AS PILHAS SÃO MELHORES QUE OS HOMENS?
Porque elas têm pelo menos um lado positivo ...
POR QUE UM HOMEM NÃO PODE TER UM BOM CARÁTER E SER INTELIGENTE AO MESMO TEMPO?
Porque assim seria mulher !!!
POR QUE SÃO NECESSÁRIOS MILHÕES DE ESPERMATOZÓIDES PARA FERTILIZAR UM ÚNICO ÓVULO ?
Porque os espermatozóides são masculinos e se negam a perguntar o caminho!!! (hahaha, é isso aí)
QUANDO É QUE UM HOMEM PERDE 90% DE SUA INTELIGÊNCIA?
Quando fica viúvo! (rsrsrsrsrrsrsrrsrrsrs) E os outros 10% quando o cachorro morre
quarta-feira, fevereiro 24, 2010
"Como Vencer a Pobreza e a desigualdade"
Imperdível para amantes da língua portuguesa, e claro também para
Professores. Isso é o que eu chamo de jeito mágico de juntar palavras
simples para formar belas frases. REDAÇÃO DE ESTUDANTE CARIOCA VENCE
CONCURSO DA UNESCO COM 50.000 PARTICIPANTES

Tema:'Como vencer a pobreza e a desigualdade'
Por Clarice Zeitel Vianna Silva
UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - RJ

'PÁTRIA MADRASTA VIL'
Onde já se viu tanto excesso de falta? Abundância de inexistência. .. Exagero de escassez... Contraditórios? ? Então aí está! O novo nome do nosso país! Não pode haver sinônimo melhor para BRASIL.
Porque o Brasil nada mais é do que o excesso de falta de caráter, a abundância de inexistência de solidariedade, o exagero de escassez de responsabilidade.
O Brasil nada mais é do que uma combinação mal engendrada - e friamente sistematizada - de contradições.
Há quem diga que 'dos filhos deste solo és mãe gentil.', mas eu digo que não é gentil e, muito menos, mãe. Pela definição que eu conheço de MÃE, o Brasil está mais para madrasta vil.
A minha mãe não 'tapa o sol com a peneira'. Não me daria, por exemplo, um lugar na universidade sem ter-me dado uma bela formação básica. E mesmo há 200 anos atrás não me aboliria da escravidão se soubesse que me restaria a liberdade apenas para morrer de fome. Porque a minha mãe não iria querer me enganar, iludir. Ela me daria um verdadeiro Pacote que fosse efetivo na resolução do problema, e que contivesse educação + liberdade + igualdade. Ela sabe que de nada me adianta ter educação pela metade, ou tê-la aprisionada pela falta de oportunidade, pela falta de escolha, acorrentada pela minha voz-nada-ativa. A minha mãe sabe que eu só vou crescer se a minha educação gerar liberdade e esta, por fim, igualdade. Uma segue a outra... Sem nenhuma contradição!
É disso que o Brasil precisa: mudanças estruturais, revolucionárias, que quebrem esse sistema-esquema social montado; mudanças que não sejam hipócritas, mudanças que transformem!
A mudança que nada muda é só mais uma contradição. Os governantes (às vezes) dão uns peixinhos, mas não ensinam a pescar. E a educação libertadora entra aí. O povo está tão paralisado pela ignorância que não sabe a que tem direito. Não aprendeu o que é ser cidadão.
Porém, ainda nos falta um fator fundamental para o alcance da igualdade: nossa participação efetiva; as mudanças dentro do corpo burocrático do Estado não modificam a estrutura. As classes média e alta - tão confortavelmente situadas na pirâmide social - terão que fazer mais do
que reclamar (o que só serve mesmo para aliviar nossa culpa)... Mas estão elas preparadas para isso?
Eu acredito profundamente que só uma revolução estrutural, feita de dentro pra fora e que não exclua nada nem ninguém de seus efeitos, possa acabar com a pobreza e desigualdade no Brasil.
Afinal, de que serve um governo que não administra? De que serve uma mãe que não afaga? E, finalmente, de que serve um Homem que não se posiciona?
Talvez o sentido de nossa própria existência esteja ligado, justamente, a um posicionamento perante o mundo como um todo. Sem egoísmo. Cada um por todos.
Algumas perguntas, quando auto-indagadas, se tornam elucidativas.
Pergunte-se: quero ser pobre no Brasil? Filho de uma mãe gentil ou de uma madrasta vil? Ser tratado como cidadão ou excluído? Como gente... Ou como bicho?


Premiada pela UNESCO, Clarice Zeitel, de 26 anos, estudante que termina faculdade de direito da UFRJ em julho, concorreu com outros 50 mil estudantes universitários.
Ela acaba de voltar de Paris, onde recebeu um prêmio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) por uma redação sobre 'Como vencer a pobreza e a desigualdade'

A redação de Clarice intitulada `Pátria Madrasta Vil´ foi incluída num livro, com outros cem textos selecionados no concurso. A publicação está disponível no site da Biblioteca Virtual da UNESCO.
terça-feira, fevereiro 23, 2010

De encontro ao outro

Libertar o homem das amarras, com as quais ele ancorou sua vida é tarefa difícil. O cuidado e o tato são primordiais. Não se deve hostilizar, ironizar usar de força bruta, ou o amarrado se enrodilhará inteiro. A posição fetal é a mais difícil de desfazer. Somente as palavras adocicadas ou banhadas em açúcares e canelas, ou as mergulhadas em espesso mel dourado, são capazes de devolverem o barco do homem de volta ao mar. Como sei disso? Tenho proferido palavras de amor e incentivo ao meu esposo há algum tempo. Em alguns dias nem é necessário adoçar muito as palavras, em outros dias, não há mel por mais espetacular que seja que o conforte. E nesses dias geralmente ele está exausto e prefere enrodilhar-se a ouvir qualquer coisa. Não tem sido nada fácil, nem a mim, agüentar o que ele está passando. A vida é estranha tem procurado me fortalecer o suficiente, para ajudá-lo nesta nova emergência. Não sou eu a mais infeliz das criaturas, nem tampouco a melhor e a mais forte. Nem a minha historia é mais dramática que as demais. Também meu esposo não é o homem mais fraco e abatido, o que estou tentando dizer por aqui é que a nossa história só termina quando desistimos de lutar, por nós e pelos nossos entes queridos. Estou afirmando que deve haver uma troca, que aquele que se sente mais fortalecido, fortaleça o outro. Hoje eu conforto alguém, amanhã será esse alguém quem me confortara! Acredito na instituição do matrimonio, quando está baseada na ternura e no respeito. Pois esses dois ingredientes são os nutrientes do amor. A ternura é a avalista do amor. Quando o casal se auxilia e se apóia, na dor e na alegria, tornam-se invencíveis. Creio no poder, (vigor do corpo e da alma), gerado por um casal de mãos dadas. Mas se um dos dois decidir soltar a mão do outro, então que nao haja arrependimento.
segunda-feira, fevereiro 22, 2010
Escrito por Regina Brett, 90 anos de idade, em The Plain Dealer, Cleveland , Ohio: "Para celebrar o meu envelhecimento, certo dia eu escrevi as 45 lições que a vida me ensinou. É a coluna mais solicitada que eu já escrevi."

Meu hodômetro passou dos 90 em agosto, portanto aqui vai a coluna mais uma vez:

1. A vida não é justa, mas ainda é boa.

2. Quando estiver em dúvida, dê somente, o próximo passo, pequeno .

3. A vida é muito curta para desperdiçá-la odiando alguém.

4. Seu trabalho não cuidará de você quando você ficar doente. Seus amigos e familiares cuidarão. Permaneça em contato.

5. Pague mensalmente seus cartões de crédito.

6. Você não tem que ganhar todas as vezes. Concorde em discordar.

7. Chore com alguém. Cura melhor do que chorar sozinho.

8. É bom ficar bravo com Deus. Ele pode suportar isso.

9. Economize para a aposentadoria começando com seu primeiro salário.

10. Quanto a chocolate, é inútil resistir.

11. Faça as pazes com seu passado, assim ele não atrapalha o presente.

12. É bom deixar suas crianças verem que você chora.

13. Não compare sua vida com a dos outros. Você não tem idéia do que é a jornada deles.

14. Se um relacionamento tiver que ser um segredo, você não deveria entrar nele.

15. Tudo pode mudar num piscar de olhos. Mas não se preocupe; Deus nunca pisca.

16. Respire fundo. Isso acalma a mente.

17. Livre-se de qualquer coisa que não seja útil, bonito ou alegre.

18. Qualquer coisa que não o matar o tornará realmente mais forte.

19. Nunca é muito tarde para ter uma infância feliz. Mas a segunda vez é por sua conta e ninguém mais.

20. Quando se trata do que você ama na vida, não aceite um não como resposta.

21. Acenda as velas, use os lençóis bonitos, use lingerie chic. Não guarde isto para uma ocasião especial. Hoje é especial.

22. Prepare-se mais do que o necessário, depois siga com o fluxo.

23. Seja excêntrica agora. Não espere pela velhice para vestir roxo.

24. O órgão sexual mais importante é o cérebro.

25. Ninguém mais é responsável pela sua felicidade, somente você..

26. Enquadre todos os assim chamados "desastres" com estas palavras 'Em cinco anos, isto importará?'

27. Sempre escolha a vida.

28. Perdoe tudo de todo mundo.

29. O que outras pessoas pensam de você não é da sua conta.

30. O tempo cura quase tudo. Dê tempo ao tempo.

31. Não importa quão boa ou ruim é uma situação, ela mudará.

32. Não se leve muito a sério. Ninguém faz isso.

33. Acredite em milagres.

34. Deus ama você porque ele é Deus, não por causa de qualquer coisa que você fez ou não fez.

35. Não faça auditoria na vida. Destaque-se e aproveite-a ao máximo agora.

36. Envelhecer ganha da alternativa -- morrer jovem.

37. Suas crianças têm apenas uma infância.

38. Tudo que verdadeiramente importa no final é que você amou.

39. Saia de casa todos os dias. Os milagres estão esperando em todos os lugares.

40. Se todos nós colocássemos nossos problemas em uma pilha e víssemos todos os outros como eles são, nós pegaríamos nossos mesmos problemas de volta.

41. A inveja é uma perda de tempo. Você já tem tudo o que precisa.

42. O melhor ainda está por vir.

43. Não importa como você se sente, levante-se, vista-se bem e apareça.

44. Produza!

45. A vida não está amarrada com um laço, mas ainda é um presente.

Feridas.

Às vezes preciso retirar-me e esconder-me... Até que a dor passe por si mesma. Até que eu me interesse novamente pelo sol. Até que o sorriso seja verdadeiro. Enquanto isso não acontece, procuro evitar consolar-me, com os mesmos chavões: isso não é nada... Não se preocupe, vai passar... A única coisa que faço é autorizar-me a sentir pena de mim, e isso dura até que eu sinta que nada aconteceu, e se aconteceu passou. Isso acaba me ajudando e volto a normalidade bem mais rapidamente.

(Clarice Lispector) “Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas... continuarei a escrever”.
quinta-feira, fevereiro 18, 2010

ORAÇÃO

(Autor desconhecido)

DEUS, QUE O MAR VIRE CERVEJA E OS HOMENS, TIRA GOSTO, QUE A FONTE NUNCA SEQUE, E QUE A NOSSA SOGRA NUNCA SE CHAME ESPERANÇA, PORQUE ESPERANÇA É A ÚLTIMA QUE MORRE...

QUE OS NOSSOS HOMENS NUNCA MORRAM VIÚVOS, E QUE NOSSOS FILHOS TENHAM PAIS RICOS E MÃES GOSTOSAS!!!

QUE DEUS ABENÇÕE OS HOMENS BONITOS, E OS FEIOS SE ELE TIVER TEMPO;

DEUS... EU VOS PEÇO SABEDORIA PARA ENTENDER UM HOMEM, AMOR PARA PERDOÁ-LO E PACIÊNCIA PELOS SEUS ATOS, PORQUE DEUS, SE EU PEDIR FORÇA, EU BATO NELE ATÉ MATÁ-LO.

UM BRINDE... AOS QUE TEMOS AOS QUE TIVEMOS E AOS QUE TEREMOS.

UM BRINDE TBÉM AOS NAMORADOS QUE NOS CONQUISTARAM, AOS TROUXAS QUE NOS PERDERAM E OS SORTUDOS QUE AINDA VÃO NOS CONHECER!!!

*QUE SEMPRE SOBRE, QUE NUNCA NOS FALTE, E QUE A GENTE DÊ CONTA DE TODOS*!!

AMÉM.

P.S,: HOMENS SÃO COMO UM BOM VINHO, TODOS COMEÇAM COMO UVAS, E É DEVER DA MULHER PISOTEÁ-LOS E MANTÊ-LOS NO ESCURO ATÉ QUE AMADUREÇAM E SE TORNEM UMA BOA COMPANHIA PRO JANTAR...!!!

terça-feira, fevereiro 16, 2010

Teus Sinais

Canta Djavan; gosto muito da música “Teus sinais” e reflito: Será que observei todos os sinais do meu parceiro de jornada, aquele que come e dorme comigo! Os sinais observados são os que eu sinalizei ou foram reais? Alguns sinais deixados por nossos maridos são pedidos de ajuda! E o que fazer quando sou eu quem mais precisa de ajuda?

Fiz uma viagem nas profundezas de mim e não gostei do que vi. Havia ainda, depois de tanto tempo, dor, angustias, solidões sem fim. A estrada era escura e senti medo, tenho medo igual às criancinhas por escuro. Lembrei-me de que já era adulta e que estava na hora de enfrentar meus medos. Penetrei mais profundamente naquele breu. Como quem penetrava na escuridão era eu “a adulta”, caminhei sem receio. Afinal de contas também a viagem era imaginária e para dentro de mim. Que mal poderia haver, ou fazerem-me... Mesmo assim acendi uma lanterna. Não adiantaria andar sem direção e sem visão. Foi daí que eu contemplei os sinais que meu corpo me enviava. Se dentro de mim estava aquela escuridão, imagine fora?

Não vou dizer que imediatamente mudei toda a minha trajetória de vida. Quem dera fosse fácil assim! Se fosse fácil, eu não teria chegado aos cinqüenta e três, com medo de quartos escuros! Vou tentar, como venho fazendo arduamente, enquanto procuro encontrar onde foi parar a mulher livre. Que corria de saltos altos, que amava se pintar e que gostava de ouro? Sei que ela não morreu, está apenas sufocada, por quilos de comidas e objetos estranhos tais como: bonecas de pano, congelados, calças de moletons, presentes e decorações e mais um montão de cacarecos, mas ela vive. Questão de respirar com cuidado, recobrar as forças e ir erguendo e jogando fora os badulaques que me sufocam.

Teus sinais, a música, acabou há algum tempo, e os do meu companheiro também.

sábado, fevereiro 13, 2010

Mulheres finas, comuns, vulgares e depravadas.

COMO ELAS SE COMPORTAM:

NO TOILETTE:

M U L H E R F I N A: (nada diz)
M U L H E R COMUM: Essa calcinha me incomoda.
M U L H E R VULGAR: Eu odeio calcinha enfiada no rego.
MULHER DEPRAVADA: Eu tenho ódio de calcinha enfiada no cú.


APÓS UM JANTAR:

M U L H E R F I N A: O jantar estava divino, parabéns.
M U L H E R COMUM: Estou satisfeita.
M U L H E R VULGAR: Tô cheia.
MULHER DEPRAVADA: Comi até o cu fazer bico.


NO CHURRASCO:

M U L H E R F I N A: Está ótima essa lingüiça.
M U L H E R COMUM: Muito boa essa lingüiça.
M U L H E R VULGAR: Noooosa que lingüiça grande!...
MULHER DEPRAVADA: Tô comendo a lingüiça do churrasqueiro (gargalhada).


VENDO UM AMIGO CHUPANDO UM SORVETE:

M U L H E R F I N A: Posso experimentar!?
M U L H E R COMUM: Me dê um pedaço!?
M U L H E R VULGAR: Posso dar uma chupada?
MULHER DEPRAVADA: Deixa eu chupar? Não vou morder, garanto. (gargalhada)

COMO SE VESTEM:

M U L H E R F I N A: de acordo com o evento.
M U L H E R COMUM: sempre da mesma forma, jeans, camisete e tênis em todos os eventos.
M U L H E R VULGAR: micro saia, bermuda agarrada, em todos os eventos.
MULHER DEPRAVADA: frente única no churrasco, micro saia mostrando a calcinha à noite.


BEBIDAS:

M U L H E R F I N A: champanhe, uísque e vinho, dependendo da ocasião.
M U L H E R COMUM: batida.
M U L H E R VULGAR: cerveja.
MULHER DEPRAVADA: cachaça, conhaque, cerveja, vodca, licor, água de bateria, etc


PROCURANDO UM AMIGO QUE SE CHAMA ADILSON NUMA FESTA:

M U L H E R F I N A: Você viu o Adilson?
M U L H E R COMUM: Cadê o Adilson?
M U L H E R VULGAR: Adilsoooooooonnnnnnnnn!!!
MULHER DEPRAVADA: Caralho, onde o viado do Adilson se meteu, cacete!


SAINDO DA MESA PARA IR AO BANHEIRO:

M U L H E R F I N A: Com licença, vou retocar a maquiagem.
M U L H E R COMUM: Vou a toilette.
M U L H E R VULGAR: Vou tirar água do joelho. (risos)
MULHER DEPRAVADA: Vou fazer um download, soltar um barro, matricular o Pelé na natação (gargalhada)


VENDO UM HOMEM INTERESSANTE:

M U L H E R F I N A: Muito simpático!
M U L H E R COMUM: Que homem liiiindo!
M U L H E R VULGAR: Dessa fruta eu chupava até o caroço!
MULHER DEPRAVADA: Eu deixava ele fazer barba, cabelo e bigode.


O QUE DIZEM QUANTO UM INDESEJÁVEL LHE FALA ALGUMA GRACINHA:

M U L H E R F I N A: (ignora)
M U L H E R COMUM: Tem gente que não tem noção.
M U L H E R VULGAR: Vai te catar o meu! Não se enxerga não!?
MULHER DEPRAVADA: Vai tomar no cú, viado, corno...


O QUE ROLA NO PRIMEIRO ENCONTRO:

M U L H E R F I N A: só um beijo de despedida.
M U L H E R COMUM: muitos beijos.
M U L H E R VULGAR: beijos e carícias (AMASSO)
MULHER DEPRAVADA: trepa e dá a bunda dizendo que era virgem atrás.


OUVINDO JAZZ:

M U L H E R F I N A: Liiindo!
M U L H E R COMUM: Adoro qualquer tipo de música!
M U L H E R VULGAR: Que porra de música é essa?
MULHER DEPRAVADA: Tira essa merda aí, coloca um pagode, cacete!


DIANTE DE UMA BROCHADA DO PARCEIRO:

M U L H E R F I N A: Meu amor, isso acontece. Fique tranqüilo.
M U L H E R COMUM: O problema é comigo?
M U L H E R VULGAR: Você já trepou hoje com alguma vadia?
MULHER DEPRAVADA: Caralho, quer que eu faça fio terra em você?


ASSISTINDO UM BALLET:

M U L H E R F I N A: Bravo!!!
M U L H E R COMUM: Lindo!!!
M U L H E R VULGAR: Perdi meu tempo, deixei de ver as videocassetadas.
MULHER DEPRAVADA: Que porra é essa? Ridículo, isso é coisa de viado!


REFERINDO AO ORGÃO GENITAL DO PARCEIRO:

M U L H E R F I N A: Pênis
M U L H E R COMUM: Pinto
M U L H E R VULGAR: Pau
MULHER DEPRAVADA: Caralho


ASSISTINDO UMA PARTIDA DE FUTEBOL:
M U L H E R F I N A: Prefiro voley
M U L H E R COMUM: Vamo São Paulo, Vamo São Paulo, vamo ser campião!!
M U L H E R VULGAR: Juiz filha da Puta, lazarento
MULHER DEPRAVADA: Nego, Negooo, Bora Mengooo!!!

quinta-feira, fevereiro 11, 2010

Sapos e Plebéias.

Em que momento, os príncipes perdem a coroa?
Deveríamos anotar a data. Já que depois disso, despertamos do sonho.
Quem perde a majestade primeiro, o príncipe ou a princesa?
Existem muitas princesas que causam decepção assim que tiram os sapatinhos de cristal. Num piscar de olhos voltam a ser simples plebéias.

E príncipes que quando os conhecemos, por mais que digam serem sapos, não damos a mínima importância. Com o passar dos tempos, nos lamentamos por não termos acreditado neles.

O que as princesas não podem esquecer: seus príncipes, só cavalgam em cavalo branco no primeiro encontro.

Essa convicção ajuda bastante, para que a decepção não seja assim tão grande.

E tem mulheres que ainda querem saber onde foi parar o cavalo branco!

Isso não tem a menor importância, creiam-me!

Em que dia você nasceu?

"Apenas o dia de nascimento já pode indicar aspectos importantes da personalidade de uma pessoa.

Paulo César criou uma "tabela natalícia".

Dia 01 - Quem nasce neste dia "primeiro bate com a cabeça na parede para só depois perguntar porque bateu". São pessoas individualistas e que gostam de ser o centro das atenções. Dão ótimos chefes pois são líderes natos. Embora sensíveis e de sentimentos profundos, não os demonstram.

Dia 02 - Quanto carinho ! Nascidos no dia 2 acreditam que seus irmãos, primos e amigos sempre receberam mais afeto do que eles. É muito sensível.Não adianta insistir.Teimosia é uma constante. É um trabalhador incansável.Gosta de tudo em seu lugar. O "2" trabalha melhor em grupo do que sozinho. Aprecia muito a música e tem grande talento para a dança ou para tocar um instrumento.

Dia 03 - Fofoca é do que os nascidos nesse dia mais gostam. Falam demais e sem pensar. Pegam várias coisas para fazer ao mesmo tempo e depois não dão conta. Têm temperamento intelectual, artístico e criativo e capacidade para se recuperar rapidamente de qualquer doença. Gostam de ter muitos amigos e têm excelente senso de humor.

Dia 04 - Tenha a idade que tiver, o nativo do dia 4 parece ter no mínimo 60 anos. É um "velho" por natureza. Tradicional e conservador, não se adequa facilme nte às inovações. Essa personalidade é ideal para o mundo dos negócios. É um trabalhador incansável. Poderia ter como ocupação secundária a música, a pintura ou a escultura.

Dia 05 - Se puder, o "5" estará sempre com uma mochila nas costas, pronto para viajar. Adora esportes radicais, não gosta de ter casa própria, nem emprego fixo. Tem boa voz e pode alegrar os outros cantando. Irradia entusiasmo e tem personalidade magnética, característica ótima para um vendedor.

Dia 06 - É um eterno apaixonado. Sua máxima é: antes mal acompanhado do que só. Casa aos 18 e tem o primeiro filho aos 19 - cedo, enfim. Planta raízes profundas no lar e na comunidade por conta de sua natureza amorosa. Elogios são essenciais para a sua felicidade. Não suporta críticas.

Dia 07 - Este número rege a perfeição. Quem nasce sob ele são "pessoas chatinhas que nunca estão contentes com nada e cobram perfeição de si mesmas e dos outros". É o cri cri, o chato, para quem tudo tem de estar sempre no lugar. Pode se especializar na área científica. Já que não lhe agrada receber ordens, é melhor trabalhar sozinho.

Dia 08 - "O que vou ganhar com isso?" Essa é a pergunta mais comum feita por alguém que nasceu neste dia. Essa pessoa tem talento para os negócios, tem capacidade executiva e facilidade para ganhar dinheiro. Gosta de causar boa impressão e aprecia gestos generosos, como fazer doações.

Dia 09 - Sabe aquele velhinho metido a garotão? Ele nasceu no dia 9. São pessoas que "nascem" com 80 anos e vão rejuvenescendo à medida que o tempo passa. São essencialmente humanas e consideradas os irmãos mais velhos da turma. Podem ter êxito na área literária, artística, publicitária ou religiosa.

Dia 10 - Número poderoso. No Antigo Testamento, Deus se apresenta como o número 10. Quem nasce nesse dia terá todas as chances do mundo de prosperar na vida. Porém, tem tendência a altos e baixas de prosperidade por causa do ego inflado. Precisam entrar em sintonia com sua espiritualidade para evitaruma queda. Criativos, podem seguir qualquer linha artística.

Dia 11 - Bom dia para nascer. No dia 11 nascem pessoas de ideais e aspirações e que estão sempre em evidência. Embora pareçam calmas, são tensas e emocionalmente exageradas em seus amores. Mas tendem a reprimir seus desejos e impulsos sexuais.

Dia 12 - Tudo tende a ser um drama, um sacrifício, para quem nasce no dia 12. Nada é realizado de forma prazerosa. Parece que ser feliz nunca é possível. Essas pessoas precisam aprender a não desperdiçar as energias, mas precisam manter-se intelectualmente ocupadas, para evitar a depressão. São bons pais e professores, porém demasiadamente severos.

Dia 13 - Ao contrário do que se pensa este não é um número negativo. Significa a morte, mas não no sentido físico, e sim no de acabar com tudo o que não é mais importante. Essas pessoas são um pouco descontentes e resmungonas - isso acontece porque estão em constante transformação. Podem ser bons gerentes pois são sistemáticos, práticos e trabalham duramente.

Dia 14 - É o número da alquimia e indica talento para lidar com ervas e na área de medicamentos. Ativo, perspicaz e emotivo, quem nasce nesse dia gosta de correr riscos, mas deve se cuidar para não se deixar levar por vícios. O casamento poderá trazer-lhe estabilidade. O sucesso virá se seguir seu talento na área de vendas, viagens, mineração ou corretagem.

Dia 15 - Este é o número da luxúria. Quem nasce no dia 15 tende a ser dissimulado e costuma conseguir tudo o que quer na vida, quando esta disposto. Dá muito valor aos prazeres em geral . É ligado à família, tem talento para a culinária e sempre atrai boas oportunidades.

Dia 16 - Estes são aqueles que quebram seus brinquedos quando crianças e tornam-se adultos para lá de desastrados. Têm tendência a atrair o azar. Por outro lado, se receberem a tarefa de reerguer uma empresa falida, por exemplo, terão mais êxito do que qualquer outro, por estarem acostumados a reconstruir. Um conselho da Numerologia para anular o aspecto azarado desse número é comemorar o aniversário sempre no dia 17.

Dia 17 - Este nasceu para brilhar sem fazer força. Possui facilidade para os negócios e talento para qualquer atividade técnica ou científica. Cético, exige provas de tudo, inclusive no âmbito espiritual. Deve ter o seu próprio negócio.

Dia 18 - O número indica grande mediunidade. Quem nasce nesse dia tem forteintuição e costuma ter sonhos premonitórios. Tem habilidade para dar conselhos sensatos, ama a música e a arte. Deve estar preparado para mudanças e viagens. É intelectual, emotivo e requintado.

Dia 19 - Cuidado! Você pode dormir rei e acordar plebeu. Este é um número cármico e desde a antiguidade está ligado ao sol - e esse astro tanto pode promover a vida quanto fazer secar até a morte. Independente, perseverante,você tem tendência a se deixar levar pela cólera.

Dia 20 - Se pegarmos a agenda desta pessoa, encontraremos o telefone do amiguinho da primeira série. Cultivar as amizades e ter o passado como base de vida são as características principais da personalidade delas. Sempre terão um segunda chance na vida. São pacificadores natos e muito ligados à família. Talento para a diplomacia.

Dia 21 - São os crianções. Eternamente joviais, têm uma loucura sadia que os faz interessar-se em várias coisas ao mesmo tempo. Podem sobressair-se nas artes dramáticas ou em qualquer área de expressão que use as palavras. Magnéticos e musicais, amam a beleza, a arte e a dança.

Dia 22 - Sente-se o dono do mundo, um verdadeiro rei. Tende a ser arrogante. Como tudo acontece em dobro para estas pessoas, elas devemesforçar-se para viver construtiva e harmonicamente. Para isso, devem tercuidado em manter o equilíbrio entre suas emoções e o lado prático de suanatureza.

Dia 23 - Sensitivo e compreensivo, este é o "rei" do mundo espiritual. Podetornar-se um líder religioso. Tem personalidade encantadora e inclinação social. Sua meta deve ser elevada, porque é necessário que se orgulhe de suas realizações.

Dia 24 - Casar e enterrar cônjuges. Esta é a sina de quem nasce no dia 24. Estas pessoas não conseguem ficar sozinhas e não se importam, se for preciso, em colecionar divórcios. São práticos, mas tendem a sonhar. Tem um ego muito desenvolvido e são cozinheiros natos. A voz agradável favorece o canto.

Dia 25 - Que preguiça! Tudo é pela lei do menor esforço. Sua primeira reação a qualquer proposta é habitualmente um "não". O maior defeito é subestimar suas próprias qualidades. Deve ter cuidado para não tornar-se pessimista, crítico ou extravagante.

Dia 26 - Sabe o destaque do abre-alas da escola de samba na avenida? É este aqui. Exibicionista, adora impressionar. Troca facilmente um bom jantar em um restaurante simples, por apenas um café e uma água em outro sofisticado,pelo simples prazer de ver e ser visto. Dá um ótimo relações-públicas.

Dia 27 - Este é daqueles que cheira à naftalina. Chama os empregados de serviçais e exige que eles usem uniformes para circularem em sua casa decorada de forma tradicional. Trata-se de um intelectual com grande talento literário. Trabalha melhor sozinho, já que não gosta de dar satisfação de sua conduta.

Dia 28 - É um sonhador. Tem todas as chances do mundo de chegar ao topo, mas contenta-se apenas em sonhar com isso por pura preguiça. Ama a liberdade e sofre com freqüência por causa das limitações que a vida impõe. Avesso aconvenções, gosta de fazer as coisas a sua maneira.

Dia 29 - Exagero é a característica principal de quem nasce no dia 29. Faz tempestade em copo d' água por qualquer coisa. Uma gripe na sua versão vira pneumonia. Porém, é capaz de grandes realizações em diversas áreas. Radical em tudo o que faz, experimenta emoções intensas e pode voltar-se para a área religiosa.

Dia 30 - O número da intelectualidade. Neste dias nascem pessoas de grande imaginação e intuição, que apreciam a arte, a música e o teatro e são eloqüentes.

Dia 31 - O burocrata. De senso prático, tem grande capacidade para tornar-se um excelente administrador de empresas Trabalha duramente, é honesto, leal, determinado e econômico. É daquelas pessoas que desejam a responsabilidade desde cedo. Por essas e outras, casa jovem.

(Revista VOCÊ)
Tecnologia do Blogger.
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

Total de visualizações

About Me

Minha foto
Mulheres em Trânsito
Sou alguem que aprendeu enfim a penetrar na profundidade do meu eu. Tenho descoberto diversos tesouros escondidos Coisas que quis ser e não fui. Como ainda respiro, provando estar viva, vou ser o que quero ser. Não sei se isso explica quem sou eu. Pois nem que eu usasse os 1200 caracteres permitidos, conseguiria dizer quem sou eu. Sou criança ainda estou aprendendo.
Visualizar meu perfil completo

Minha lista de blogs

Seguidores