terça-feira, janeiro 31, 2012

Pra não dizer que não falei da lua

O amor estava passeando

                    Na mesma hora que eu

Pareceu-me tão radiante

         Que covardemente

                        Escolhi seguir sem ele

               Mas trago uma sensação absurda

   De que ele caminha comigo

                      Como lua em dia claro

    Num céu de carneirinhos

segunda-feira, janeiro 30, 2012

Conjecturando…

Quero mudar novamente a imagem do blog, demorou para que eu percebesse o quanto essa imagem parece levar a mente a alguém consumista. E sou totalmente contra o consumismo.

Mesmo que eu me tornasse bilionária um dia, não iria adquirir esse costume, pois acho-o pertinente a quem não se preocupa com o outro que não tem pão.

Minha preocupação real é com a fome, sei que há tantos males, mas não comer é o pior deles, pois faz com que a pessoa se sinta mais lixo que o lixo. E se sente certo, pois o lixo, principalmente o brasileiro, é bem nutrido.

Senti necessidade de falar sobre isso hoje, por acreditar que,  a imagem correta é de minha responsabilidade.

Sou mais simples que as muitas bolsas…

quinta-feira, janeiro 26, 2012

Alguém me disse

DSCN2388

Seja como for, para onde for, ou com quem for, vá por inteira.

Recuse metade de alguma coisa...

Metade de amor,

Metade de afeto,

Metade de alguém

Se resolver seguir pela relva, esqueça o caminho do mar.

Se optar seguir pela praia, não se incomode com a areia que se prende aos pés.

Para onde quer que te voltes

Estejas preparada para as surpresas que a esquina pode ter

Evite se enxergar nos olhos de alguém, pois nunca mais sairás de lá

Se ousares nas palavras, gestos, ou ações,

Esteja certa de valer tamanha ousadia.

Não se incomode muito em ser compreendida e aceita.

Morrerás antes de saber que fostes.

Não tente parecer sábia

Ou se é, ou não se é!

Mantenha a boca fechada, seja qual for sua opinião.

Espera que te peçam, e sorverão a resposta.

Não fale sem pausa, é nela que poderás analisar o interesse do ouvinte.

Não elogies demasiadamente, ou poderás passar por bajuladora.

Sê forte quando todos os outros enfraquecerem

Enquanto restar dúvida acerca do sucesso, resista e insista.

Tira o pó do móvel velho, e ele voltara ao seu primeiro esplendor.

Não tenha medo de andar a dois debaixo de chuva.

Tenha medo de andar só, em dia de sol.

Sol demais ilumina a solidão.

Vez por outra se entregue ao prazer de sua própria companhia.

Poderás surpreender-te de como ela é agradável.

Não temas a infelicidade. A gente atrai até o que teme.

Quando te parecer difícil demais continuar, lembre-se...

Não caminhas nunca só

quarta-feira, janeiro 25, 2012

Pra Quando o Amor Chegar

images[9]

Quero roupas novas

Dentes brancos e brilhantes

Corte perfeito de cabelo.

Sobrancelhas combinando com meu rosto.

Unhas bem feita

E que o amor não saiba responder,

Se o brilho que ele vê, vem do meu sorriso,

Das minhas mãos.

Dos meus olhos

Ou inteiramente de mim

segunda-feira, janeiro 23, 2012

Despertar…

DSCN2466

Este é o dia de uma manhã linda. Pulei cedo da cama, os passarinhos me acordaram literalmente.

Alguém pode se queixar de ser acordado assim?

Abri devagar a porta, e fui olhar a balburdia.

Havia estrelas ainda no céu e elas pulsavam; não sei se foi por me verem, ou se as peguei contemplando radiante o cantar dos passarinhos.

Não consegui saber o que os despertara em alvoroço, mas suspeito, que era dia de namorar, pois era nítido que o Amor pairava no ar.

Perscrutei e tentei enxergar com olhos de ver, mas acabei fazendo como as estrelas; fechei a cortina e fiquei apenas com o som alegre do amor.

sábado, janeiro 21, 2012

Confidencialmente falando de amor

Tenho uma lista grande de começo de ano, alguns são os projetos do ano passado que ficaram pendentes; só porque o ano acabou, não quer dizer que preciso jogar  os planos anteriores e  começar novos, já fiz isso em outros anos, e senti na pele meu engano. Algumas pessoas, algumas vezes, aguardam-me, e pessoa alguma é descartável. Venho resolvendo alguns, e outros dependem do ano letivo aqui no Brasil começar: “depois que o carnaval passar”.  Mas entrei aqui mesmo só para registrar, mais uma vez, a minha resolução  de amar e transformar minha vida a cada dia  em um mar de rosas. Isso é decisão já que tenho absoluta certeza  que mereço dar-me esse tipo de presente.

Para que minha vida seja tudo aquilo que desejo seja, preciso acreditar piamente no eu “MEREÇO”! Sério! Coisa mais tola, parece bobagem, mas nessa convicção está contida a chave mestra; ou a varinha de condão;  a resposta às súplicas e a novenas. Creio que nela está contida a oração.

Eu Mereço… Somente a gente sabe que sinal usar depois da frase… E somente nós podemos responder…

DSCN2171

Se não tenho tudo que quero e, que, “penso” preciso, é justamente porque eu não me achei merecedor/a. À sensação de se sentir merecedor/a, surge espontaneamente para alguns e geralmente essas pessoas já estão realmente sendo felizes. A beleza do exercício do merecimento é que a primeira coisa que sentimos que vai embora é o medo.

Esse sentimento,  ou sensação; ou que nome dar, e por não achar permaneço classificando-o – Sentimento de Merecimento -  é algo tão visível que ergue o exercitante  do chão e o faz sair em busca de tudo que merece.

Desse momento em diante, tudo que é bom, salutar, necessário, imprescindível na vida daquela pessoa começa a acontecer. Acontece comigo! Sei o que estou indicando, pois experimentei essa pílula e ela é eficaz . Eu poderia falar muito mais, pois caberia aqui informar que as pessoas que nos conhecem acabam concordando que a gente merece coisa melhor, palavra melhor, amizade melhor e assim todas as áreas vão melhorando dia após dia.

Tempo de paz, de alegria, de amor sempre acompanha aqueles que sabem o quanto valem.

sexta-feira, janeiro 20, 2012

AGRADECIMENTO

As duras penas eu aprendi agradecer a Deus; e digo duras penas, pois foram nesses momentos, em que agradecer parecia impossível sair de dentro da garganta, mas quando saiu e após atravessar goela abaixo imediatamente me veio à paz; a verdade; a confiança, a fé e a certeza.

A cada dia que passa, e depois que a lagrima acaba, tenho conseguido dizer com muito amor: Obrigado Senhor por todo esse cuidado amoroso que me cerca toda.

Não ligo mais quando não entendo imediatamente alguns acontecimentos, e nem tampouco me inquieto com alguns aspectos da situação, pois no meu íntimo sei que tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus.

E eu o amo!

quarta-feira, janeiro 18, 2012

O AMOR

Pensei em explicar cada diário, dei até o começo, mas depois de ler e reler o que já se encontra pronto eu achei por bem mudar o formato, sendo assim, por ter sido considerado desnecessário explicar a natureza de cada diário passo ao amor. Vou ao tema e aposto que encontrarei os saveiros prontos para partir, como diz Caetano Veloso. Terei que ser minuciosa na escolha, pois esse tema é igual rastilho, se espalha por toda parte...

 

 

Como esquecer quem me ensinou a voar?

Como esquecer o amor que me levou ao fundo do precipício

E trouxe-me de volta à superfície.

Sem um arranhão sequer.

Que me levou ao infinito coração de Deus

E me mostrou a exata moradia do Amor

Esse amor me fez questionar o que vivera até então

E apontou-me a verdadeira e única religião

A do Amor.

domingo, janeiro 15, 2012

Encerrando a Maturidade

DSCN2535

 

Pronto! Disse o que pensava de várias maneiras diferentes. Ao arremate final quero deixar minha impressão atual. Deduzo que a maturidade é uma completa ausência de vaidade perante a vida! Ou seria melhor trocar a palavra vaidade por timidez? Uma completa ausência de timidez perante a vida. Creio que ficou melhor ao menos perante a minha visão. E como aqui tudo se trata mesmo a respeito do meu ponto de vista... Continuando... A madureza interior além de destituir a pessoa de sua timidez a torna impetuosa. Com isso ela arrisca mais, a despeito das críticas. A maturidade parece impulsionar a pessoa a procurar saber tudo o que os outros pensam a seu respeito. Sente-se uma liberdade em saber como de fato é vista pelos outros. A maturidade parece dizer-nos que aquela maneira com que sou vista, é justamente como eu sou! Eu posso enganar uma pessoa “Eu”, mas não todo mundo que me conhece. Essa é a posição clássica adquirida com a madureza interior.

No diário restaura-te; que daqui pra frente abreviarei, parece conter o principio de meu amadurecimento como pessoa. Dali tudo se desenvolveu em cadeia. Aquela fase foi o inicio do que me tornei hoje. Significou meu primeiro sacudir da árvore. Estou desde então procurando recolher os frutos que caíram no sacolejo. Por sorte mesmo depois de tanto tempo, continuam perfeitos e amadureceram comigo.

“Restaura-te”, muitas vezes será ácido e mesmo assim compartilharei, não para entristecer ninguém, e nem ser trágica, e já conhecem a história dele. E repito: aqueles escritos alguns deles saíram sangrando. Período muito intenso. Talvez as loucuras que ainda trago em mim seja reflexo daquele tempo. Mas foi também o tempo em que despertei e descobri que o universo era maior do que a minha vida, e que eu era responsável pela bagunça, e caos em que algumas coisas se encontravam, e por isso mesmo decidi crescer.

sexta-feira, janeiro 13, 2012

Maturidade Emocional

Em um Olhar diferente encontrei isso:

 

Crescer é ato contínuo, todos sabem disso. Alguns sabem mais, outros menos, mas ao final de uma forma ou outra todos sabem.

As oportunidades não deixam de surgir a todo instante para que exercitemos esse crescimento.

Crescer significa desenvolver-se, tornar-se maior, e esse processo pode ser um pouco duro, difícil, mas deve acontecer.

Chega um determinado momento na vida, que não é mais possível manter as mesmas atitudes. É tempo de deixar a ótica infantil e encarar o lado adulto de todas as coisas.

Creio que a maturidade é medida pelo crescimento emocional.

A maturidade física é fácil de atingir, pois não requer esforço do sujeito, já a emocional necessita de controle pessoal. E o controle pessoal desagua  no autoconhecimento.

Só seremos capazes de suportarmos as vicissitudes da vida se crescermos em nossa capacidade de lidarmos com nossas frustações e medos..

(Foto da internet)

quinta-feira, janeiro 12, 2012

Confidencial

Trabalhando em silencio, durante os afazeres domésticos, chegam-me enxurradas de pensamentos. Ficam eles por ali congestionando o transito, impedindo a passagem, tumultuando tudo. Para poder respirar e continuar minhas tarefas, eu abro a janela da escrita para que eles voem.

A princípio saem devagar, até bem comportados, mas não demora muito e partem em louca debandada. Quando termino de depositá-los em algum lugar por aqui, como se os deitasse em ninhos, sinto minha alma voltar ao sossego. Como se fosse ela que precisasse falar.

Aos poucos estou me acostumando a essas interrupções e não me proíbo mais de dar asas a imaginação. Acho que isso tem me amadurecido na arte de escrever.

terça-feira, janeiro 10, 2012

Algumas explicações…

Confidencial opina que a maturidade se adquire: Dançando”. Depois dessa frase seguia a narrativa propriamente dita. Eu vinha em uma sequencia de data de dar inveja, de repente meu ultimo post foi dia cinco, hoje é 10 de janeiro. Não sei se já estou tão lida a ponto de ser reparada, mesmo assim resolvi explicar as razões. Dançar é algo tão sério em meu universo e tenho falado tanto sobre esse mesmo assunto, que resolvi deixar a Maturidade através da dança para uma abordagem mais especial.

Sendo assim vou diretamente para o Diário Restaura-te antes...

Amadurecimento

Ainda tenho comportamentos impróprios de adulta, provando que maturidade não se adquire com anos de vida, mas com o aprendizado.

Acredito na ideia de que fomos enviados ao mundo com alguma missão, e que até mesmo os animais têm suas missões.

O que acontece, é que algumas vezes me passa pela cabeça, deixar de lado a parte que a mim cabe, e seguir em frente, transferindo a responsabilidade a outro.

Mas é nessas horas que algo avisa. Como um apito, como um alarme. Isso faz com que eu saia da inercia, da contemplação, e arregace as mangas e vá ajudar no processo de transformação desse mundo.

Englobo assim a fileira, daqueles que pararam de desejar só para si, para desejar geral.

Essa eu acredito seja a missão universal: expandir a bondade e espalhar o amor e a alegria em toda a largueza das ruas.

DSCN2202 

beijar e abraçar muito …

quinta-feira, janeiro 05, 2012

Conversando com Deus

tur fukui 155

Estou buscando cada dia mais aproximar-me de Deus e vou aos bocadinhos.

Dessa forma espero saber mais a Seu respeito.

Mesmo de mansinho, um pé de cada vez, continuo em frente.

Satisfaz-me muitíssimo o que tenho vivido.

Acordo às vezes em plena madrugada, para aproveitar o silêncio das horas e ficar a sós com Ele.

Parece-me que Ele próprio me acorda e com doce sussurro.

Dessa maneira tenho sentido estar amadurecendo para uma vida completamente nova.

Cheguei a conclusão de que, todo aquele que desejar nascer de novo, deve procurar a companhia serena de Deus.

quarta-feira, janeiro 04, 2012

Começando a confrontar…

DSCN1992

Pronto! A tão sonhada organização prometida a mim mesma aconteceu. Até eu me surpreendi com a quantidade de diários criados. Enquanto escolhia o que publicar de cada um deles, pude reler passagens que nem me lembrava ter escrito, e foi assim que constatei, que esse método, foi um mecanismo que eu encontrei para me restabelecer, para me organizar e para entender alguns conflitos vivenciados.  Posso afiançar que me beneficiei dessa prática e aconselho-a.

Relação dos diários e quantidade de páginas escritas.

I - Amontoado de coisas e Escritos do caderno - 30

II – Colas e Recortes – 31

III – Confidencial - 101

IV – D.M - 75

V – Diariamente – 82

VI – Diário de Oração – 61

VII - Enumerado – 29

VIII– Mais Corações – 41

IX - Novidades – 17

X - Pedacinhos de mim - 70

XI- Porções de Deus – 58

XII - Restaura-te Antes e Empreendas Depois - 157

XIII- Um Olhar Diferente – 47

 

E haveria ainda: Japão e Diário de um Casamento, mas manterei essas salas fechadas.

Encerrei com Colas e Recortes falando a respeito de “maturidade”, para que não fique muito longo postarei amanhã a ótica de um Olhar Diferente sobre o mesmo assunto.

terça-feira, janeiro 03, 2012

Dando continuidade… Colas e Recortes

Conseguiu a maturidade quem...

lendo jornal

Não depende de mais nada e de mais ninguém para ser feliz.

Não precisa fazer o que não quer só para ser aceito

Não precisa provar nada a ninguém

Não depende de aplausos para fazer o que é certo

Quem conseguiu isso foram justamente aqueles que fizeram concessões no decurso da vida.

Existem pessoas que embora envelhecidas, enrugadas e arcadas pelo peso da idade não atingiram a maturidade, pois não concedem nada a ninguém nem a si próprio.

segunda-feira, janeiro 02, 2012

2012

E o novo ano está ai repaginado, trazendo aquela impressão de que tudo poderá e, será diferente, dos anos anteriores.

Os amigos enviaram-nos os melhores votos que havia dentro de seus corações, isso por si só já nos encoraja.

Sentimos como se tivéssemos cumprido uma etapa, e exercido nossa missão ao final do ano. Há no ar uma renovação de projetos e objetivos contagiantes.

Como ainda não enviei meus desejos de boas novas aos amigos desse blog aproveito o momento.

Que a luz de Deus, a paz universal e o amor caridoso seja a marca desse novo ano, na vida de cada um.

Sinto-me muito honrada por nossa convivência que já dura anos, espero que esse ano possamos nos conhecer melhor.

Amo vocês!

DSCN2524

Tecnologia do Blogger.
Ocorreu um erro neste gadget

Postagens populares

Total de visualizações

About Me

Minha foto
Mulheres em Trânsito
Sou alguem que aprendeu enfim a penetrar na profundidade do meu eu. Tenho descoberto diversos tesouros escondidos Coisas que quis ser e não fui. Como ainda respiro, provando estar viva, vou ser o que quero ser. Não sei se isso explica quem sou eu. Pois nem que eu usasse os 1200 caracteres permitidos, conseguiria dizer quem sou eu. Sou criança ainda estou aprendendo.
Visualizar meu perfil completo

Minha lista de blogs

Seguidores